Chame o CAL
Produção de leite

Cuidados com a prenhês das vacas pode aumentar a produção de leite

É o que destaca a EMBRAPA em estudo

Agro Press

Agro PressEssa é a coluna do que move o nosso país

05/03/2020 10h29
Por: Gideone Rosa
Fonte: Embrapa
232
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Embrapa: diagnóstico precoce de prenhez em vacas ajuda aumentar produção de leite

Por Adeildo Lopes Cavalcante

Estudo do núcleo gado de leite da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) demonstra que é possível reduzir o intervalo entre inseminações de uma vaca em cerca de 20 dias com a utilização do ultrassom Doppler para realizar diagnóstico precoce da prenhez. A grande vantagem de se fazer uso dessa tecnologia é que ela traduz movimentos como o fluxo sanguíneo em cores, tornando as análises mais precisas.

A redução do intervalo de partos no rebanho representa ganho econômico tanto na produção de uma vaca de leite quanto na engorda de bezerros de corte. Um animal que produza 30 litros diários de leite, por exemplo, terá acrescentado à sua produção 600 litros no fim da lactação.

Em um rebanho formado por 100 vacas que tenham reduzido o intervalo de partos nessa proporção, serão 60 mil litros de leite a mais produzidos na lactação.

Segundo o estudo, “sem o emprego do Doppler, para conseguir inseminar uma vaca três vezes e obter um índice de cerca de 90% prenhez, eram necessários 80 dias. Usando o Doppler,  consegue-se realizar o mesmo trabalho e obter um índice semelhante com 48 dias”.

“A grande vantagem dessa tecnologia é a redução do tempo e  tempo representa dinheiro  para o fazendeiro que tira leite ou engorda animais machos (bezerros) para abate ou venda”, diz o estudo.

Fonte: Embrapa

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.