Sábado, 19 de Junho de 2021
64 99945-1332
Cultura Cultura e fé

Ditos populares são vistos sob nova perspectiva

Lições e contradições por trás dos ditados brasileiros

10/05/2021 09h46
196
Por: Gideone Rosa Fonte: Goiás Press

Em "A voz do povo e a voz de Deus", teóloga Ágatha Cristian convida os leitores a refletirem sobre lições e contradições por trás dos ditados brasileiros

"Tempo é dinheiro", "pimenta nos olhos dos outros é refresco", "antes só do que mal acompanhado". Esses são três dos vinte famosos ditos populares analisados por Ágatha Cristian Heap, mestra em religião e teologia, na obra A voz do povo e a voz de Deus, lançamento da Editora Mundo Cristão.

Ao estudar parte do arcabouço de ditos da rica cultura brasileira, Ágatha convida o leitor a refletir sobre as explicações ou soluções vindas do conhecimento popular e instiga um curioso debate: até que ponto tais pensamentos dialogam com os princípios milenares das Escrituras?  

Com esse pano de fundo, a autora sinaliza concordâncias, discordâncias e ressalvas a partir do contraste entre a sabedoria popular e os ensinamentos de Jesus Cristo, ao mesmo tempo em que esclarece a importância de reconsiderar a aplicabilidade e os resultados de algumas máximas populares tidas como verdades.  

“O objetivo deste livro é confrontar a sabedoria que vem de Jesus com a sabedoria que vem da cultura, por meio de seus ditados e provérbios. Por vezes haverá concordância entre a sabedoria de Jesus e a sabedoria popular; por vezes, haverá necessidade de ressalvas; por vezes, o contraponto será total.” (A voz do povo e a voz de Deus, p. 12)

Com o intuito de estabelecer um diálogo respeitoso entre as lições bíblicas e da sabedoria pública, ao mesmo tempo em que apresenta uma nova perspectiva entre fé e cultura, A voz do povo e a voz de Deus apresenta lições práticas para o dia a dia e trata de forma acessível os assuntos profundos da teologia, tornando a experiência de leitura uma agradável oportunidade de aprendizado. Ainda, a cada capítulo desta leitura inspirativa o público encontrará uma oração e perguntas que facilitam a compreensão dos conceitos elucidados.

Sobre a autora:

Ágatha Cristian Heap é graduada em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, em Geografia pela Universidade Metropolitana de Santos, e em Teologia pela Faculdade Nazarena do Brasil. É mestra em Religião com ênfase em Teologia pela Point Loma Nazarene University, na Califórnia, EUA. É pastora auxiliar na Igreja do Nazareno em Atibaia desde 2006. Casada com Brian, é mãe de Lucas, Victoria e Gabriele.

Sinopse: A cultura brasileira é rica em todas as suas manifestações, o que nos confere uma identidade única entre os povos. A sabedoria popular, um conhecimento transmitido por gerações, merece papel de destaque ao buscar oferecer explicações para fatos corriqueiros e complexos do cotidiano. Na Bíblia, também merece destaque a sabedoria. Mas não a popular. Aqueles que seguem as Escrituras reconhecem a sabedoria bíblica como fonte inesgotável de conhecimento para lidar com as pressões da vida. E sabemos que, quanto mais o evangelho estiver encarnado em seu povo, mais se fará presente na sociedade. É nesse diálogo respeitoso entre a sabedoria bíblica e a sabedoria popular que se insere A voz do povo e a voz de Deus. Ágatha Heap analisa vinte ditos populares à luz das Escrituras, o que faz deste livro uma ferramenta de grande valia para uma discussão saudável sobre fé e cultura. Em quais há concordância, discordância ou eventuais ressalvas é o que você descobrirá nesta obra surpreendente.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias