Domingo, 25 de Julho de 2021
64 99945-1332
Cidades Anápolis

Instituto Trilha apoia crianças em fase de alfabetização no interior de Goiás

Projeto em Anápolis ensina crianças a ler e a escrever, incentivando o estudo em casa

19/04/2021 10h30
219
Por: Gideone Rosa Fonte: Goiás Press
Escrever o próprio nome é a primeira meta do projeto em Goiás
Escrever o próprio nome é a primeira meta do projeto em Goiás

Com o avanço da pandemia e a dificuldade enfrentada nas aulas online, projeto em Anápolis ensina crianças a ler e a escrever, incentivando o estudo em casa

Olhando para o crescimento e desenvolvimento das próximas gerações, o Instituto Trilha deu início ao projeto "Educação Vale Ouro", criado para proporcionar um ensino de qualidade a crianças, adolescentes e jovens. Ao todo, são 26 bolsas, destinadas à parceria com a ONG Compaixão Internacional, em Anápolis - Goiás, à ONG Rio de Paz, com sede no Jacarezinho - Rio de Janeiro, e ao Instituto Livres, em Santo André - São Paulo.

Cada núcleo tem um objetivo específico. No interior goiano, o foco está na alfabetização de crianças matriculadas na rede pública, com dificuldade de aprendizado. Com as atividades iniciadas em fevereiro, os alunos de Goiás já apresentam um bom desempenho na alfabetização. "Quando começamos, as crianças tinham muita dificuldade, conhecendo somente as letras de forma. Agora, já conseguem escrever seu nome completo, e acredito que em uma semana, já estarão lendo e interpretando textos", comemora a professora Claudia Agi.

Arliene Freitas, coordenadora pedagógica do projeto Educação Vale Ouro, conta que a ação vai além da sala de aula. "Queremos entender o que se passa com cada aluno, o contexto em que vive para sermos mais assertivos na promoção do desenvolvimento em médio e longo prazo na vida desses jovens. Educar é muito além de melhorar as notas, é gerar valores para a vida. Esperamos que as crianças, adolescentes e jovens saiam com aprendizado, tornando-se adultos mais conscientes e sabendo que podem ser o que quiserem".

                                  Crianças recebem lições e atividades para continuar estudando em casa

"Essa oportunidade do Instituto Trilha nos ajuda a ensinar os jovens a leitura. A educação realmente vale ouro", agradece a professora. Edinéia Macedo, por sua vez, mãe de uma das alunas, afirma que o projeto veio em boa hora. "Por conta da pandemia, minha filha não estava indo à escola nem conseguindo acompanhar as aulas. Ela está estudando de casa, mas eu não tenho muito como ensinar. Eu sou muito grata por essa oportunidade, pois com o reforço, ela aprendeu a escrever o nome completo e caligrafia melhorou", comemora.

A criação do Instituto partiu do presidente e fundador do grupo Trilha Gold Capital, que também preside o Instituto Trilha, Basel Ibrahim Al Jughami, um empresário vindo da Síria, com profundo olhar para o Brasil e os brasileiros, e um sentimento de gratidão pelo país. Basel destaca que o projeto visa promover melhorias nas vidas de todos os jovens. "Acreditamos no poder de transformação da educação. Queremos ver mais histórias de crescimento, e fico muito feliz de poder fazer parte disso", conta.

Lockdown e medidas restritivas

Com o avanço da pandemia em todas as regiões brasileiras, os projetos nos três Estados atendidos pelo Instituto Trilha foram adaptados para a realidade em cada local. Em Anápolis, as atividades do Projeto Educação Vale Ouro passaram a acontecer de forma online, às segundas, quartas e sextas, e as voluntárias da ONG Compaixão Internacional levam as atividades e materiais para a casa de cada aluno.

"Todo o material é devidamente higienizado, para que ninguém seja exposto à Covid-19, e depois também será feito um acompanhamento para garantir que todas estejam entendendo a proposta de cada atividade. Dessa maneira, damos continuidade ao projeto ao mesmo tempo em que garantimos que cada um dos nossos fique seguro contra a doença", esclarece Arliene Freitas.

Além de Anápolis, o Instituto Trilha atende outras duas cidades: Santo André - São Paulo, por meio do Instituto Livres, e Jacarezinho - Rio de Janeiro, com a ONG Rio de Paz.

Em São Paulo, o Instituto Livres oferece aulas de manicure e radiologia. Por conta do aumento no número de casos da Covid-19, as atividades foram temporariamente suspensas e a especialidade da saúde passou a acontecer de maneira remota, com o aluno estudando em casa.

No Rio de Janeiro, a instituição está se preparando para iniciar as inscrições para os cursos de confeitaria e gastronomia, ainda no primeiro semestre.

Sobre o Instituto Trilha

O Instituto Trilha, pertencente ao grupo Trilha Gold Capital, apoia causas, organizações e projetos voltados à educação infantil e juvenil. Gerando oportunidades de aprendizagem, a instituição é responsável por promover melhorias às comunidades atendidas por seus programas, com doações e bolsas de estudos. Saiba mais em: https://trilhagold.com/instituto-trilha/

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias